Quatro poemas de Rupi Kaur

tentar me convencer
de que tenho permissão
para ocupar espaço
é como escrever com
o punho esquerdo
quando nasci
para usar meu direito
 
- a ideia de encolher é hereditária

 

é a sua voz
que me despe

 

riachos correm da minha boca
lágrimas que meus olhos não carregam

 

nossas costas
contam histórias
que a lombada
de nenhum livro
pode carregar
 
- mulheres de cor

 

Rupi Kaur (Outros jeitos de usar a boca, Planeta, 2017)

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s