Alegria da cidade

A minha pele de ébano é
 A minha alma nua
 Espalhando a luz do sol
 Espelhando a luz da lua
 
 Tem a plumagem da noite
 E a liberdade da rua
 Minha pele é linguagem
 E a leitura é toda sua
 
 Será que você não viu
 Não entendeu o meu toque
 No coração da América eu sou o jazz, sou o rock
 
 Eu sou parte de você, mesmo que você me negue
 Na beleza do afoxé, ou no balanço no reggae
 
 Eu sou o sol da Jamaica
 Sou a cor da Bahia
 Sou sou você e você não sabia
 
 Liberdade Curuzu, Harlem, Palmares, Soweto
 
 Nosso céu é todo blue e o mundo é um grande gueto
 
 Apesar de tanto não
 Tanta dor que nos invade, somos nós a alegria da cidade
 Apesar de tanto não
 Tanta marginalidade, somos nós a alegria da cidade

Lazzo Matumbi e Jorge Portugal

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s