Páscoa

Foto: Lílian Almeida

Período de Páscoa…

Volta e meia escuto insossos “Boa Páscoa”, “Feliz Páscoa”. Mera formalidade, cumprimento da função fática da linguagem: manter o canal comunicativo.

Entro nas lojas e saltam das prateleiras e gôndolas infinitas variedades de ovos e outros formatos de chocolate. Amo os chocolates! Aceito ganhá-los e às vezes também os ofereço neste período.

Mas estive pensando no que é, para mim, a Páscoa. Não, não sou católica ou evangélica, ou adepta de uma religião cristã. Simplesmente creio numa força universal, na possibilidade de uma fraternidade universal, na renovação dos valores humanos em prol da comunhão com a vida, qualquer tipo ou espécie de vida.

Concebo a Páscoa e toda a Semana Santa como momento de amor e renovação. Penso no Mestre do amor, Jesus Cristo, que ofereceu à humanidade o aprendizado do amor e fez dele o seu principal pedido: Ama o teu próximo como a ti mesmo. Nestes, e em tempos de outrora, parece ser muito difícil atender a esse simples pedido. Como temos feito o contrário! Expressar o amor anda tão fora de moda que as pessoas até se assustam. “Quando a esmola é demais o santo desconfia”, dizem uns. “Quando vê assim, quer alguma coisa, tem algum interesse…”, desconfiam outros. Como precisamos aprender, exercitar, vivenciar o amor!

Penso também no poder da renovação, do renascimento. Não na espera passiva pela salvação mediante a morte e a ressurreição de Cristo. Penso na renovação humana, na possibilidade de renascimento diário do ser humano, a caminho de uma humanidade mais humana, mais íntegra, mais solidária, mais capaz de amar o vizinho como a si mesmo. Penso na morte da mesquinhez, do egoísmo, do julgamento, da vaidade, do desrespeito, da inveja, da sede insaciável de poder, do autoritarismo, da arrogância… São tantas vestes que afastam o toque humano… Tão encouraçados, não sentimos o outro quando distantemente o tocamos, e se o outro nos toca o sentimos tão superficialmente…

Desejo a morte de tudo o que fragiliza a humanidade que há no ser; desejo que, diariamente, desbastemos as nossas arestas e façamos renascer um novo ser em nós.

Que desejar Boa Páscoa seja acreditar que o ser humano pode se renovar, se tornar mais pleno, melhor pra si e para o seu semelhante.

Boa Páscoa pra você!

Lílian Almeida

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s